Cinco versões do Aranha que gostaríamos de ver no Aranhaverso

Spider-Man: Into The Spiderverse é uma das melhores coisas que já aconteceram ao Homem-Aranha. E olha que tem história boa nos cinemas. Mesmo assim, quem acompanha Peter Parker e toda sua história sentiu falta de outras versões que já ostentaram a marca do aracnídeo. Quer saber quais? Listamos cinco versões do Homem-Aranha que poderiam estar no Aranhaverso:

Agente Venom

Aranhaverso Agente Venom

Em uma versão para lá de dark, Flash Thompson se torna um combatente no Iraque e perde suas pernas durante a guerra. Posteriormente, o governo norte-americano lhe convida para um projeto que lhe fornece um simbionte que lhe dá armas, os poderes do clássico simbionte e pernas, é claro. Com o sucesso de Venom nos cinemas por que não termos um simbionte no mundo animado?

Ben Reilly

Aranhaverso Ben Reilly Esta seria não só uma referência interessante, mas até mesmo um possível plot para toda história. Afinal, Ben Reilly é o clone do Homem-Aranha original que descobre ser o original mas depois descobre que era o clone mesmo e…

Você entendeu! Ou não.

Na verdade, A Saga do Clone não é bem um dos melhores momentos do Aranha e, em algum grau, estragou uma ótima história com retcons infinitos que banalizaram as histórias. Mesmo assim, Ben ostentou o manto por algum tempo e poderia ser lembrado.

Pessoalmente, quando vi um Peter Parker loiro em Homem-Aranha no Aranhaverso tenho a convicção de que não é coincidência e sim uma referência a um dos momentos mais marcantes do personagem. Quem sabe ele não poderia voltar inclusive em seu traje Aranha Escarlate?

Homem-Aranha Cósmico

Aranhaverso Homem-Aranha CósmicoEsse aqui seria difícil de encaixar. Afinal de contas, o Homem-Aranha Cósmico tem os poderes da Força Nigma e transformou Peter Parker em um sujeito com poderes de um deus, capaz de enfrentar (e derrotar) oponentes como Graviton, Hulk e outros seres superpoderosos do Universo Marvel.

É claro que a Força Nigma só surge quando uma grande ameaça ao universo reaparece. No original, surgiu para impedir a ameaça do Tri-Sentinela, mas em uma sequência do Aranhaverso poderia ser para salvar o continuum espaço-tempo, por exemplo, e abrir novamente o tecido entre as realidades para uma nova aventura. Seria uma participação rápida, talvez de segundos mas… Ei, quem está contando? 🙂

Mulher-Aranha (Mattie Franklin)

Vários personagens do universo aranha se unem para um pacto sinistro. Enquanto alguns são quebrados por eles, Mattie Franklin recebe a dádiva do Poder e se torna a terceira Mulher-Aranha. Ela não é só uma versão feminina, mas mais poderosa que o próprio Peter Parker.

Claro que o Aranhaverso já nos traz uma Mulher-Aranha e uma Aranha com robô gigante, mas novamente: ei, quem está contando?

Além disso, você ter duas Mulheres-Aranha traz toda uma sorte de novos conflitos e possibilidades. Vale lembrar, porém, que Mattie era tão inexperiente quanto a versão alternativa de Gwen.

Homem-Aranha Britânico (William Bradock)

Aranhaverso William Braddock

Imagine alguém com os poderes do Aranha, mas com o senso moral do Capitão Britânia? William Bradock é o Homem-Aranha de uma versão alternativa, que ajuda justamente a manter a salvo todas as versões aracnídeas de realidades alternativas de um misterioso grupo conhecido como Inheritors (Herdeiros).

Não precisa pensar muito para entender como ele poderia entrar no Aranhaverso, né?

Afinal, como um sujeito que atravessa linhas temporais ele poderia justamente ser o responsável por falar de uma(s) nova(s) ameaça(s) para Miles Morales e os demais aranhas. Aliás, Braddock poderia até mesmo trazer outras questões para o Aranhaverso como magia ou até mesmo choques culturais entre todos os aracnídeos. Ou você acha que um Homem-Aranha britânico seria igual a um nova-iorquino? É claro que não!

Sem contar que ter um típico inglês diante das piadas que suas versões aracnídeas contam pode ser uma dinâmica muito, mas muito legal. Quem discorda? God Save The Queen!

Please follow and like us: